Postado em 6 de abril de 2014 às 00:10

[TAG] Doenças Literárias

Hey pessoal! Faz tempo que não fazia uma tag, e aqui vai uma que recebi da fofa da Patrícia do blog Books Many Books que me indicou, obrigada pela indicação, querida :) Vamos às regrinhas da tag :


Regras:
- Agradecer quem te indicou
- Escolher um livro para cada doença e falar sua opinião sobre ele
- Indicar mais 5 blogs para responder a tag.

- Diabete : um livro muito doce
A Fera
Não chega a ser doce demais, cheio de frufus e coisas perfeitas que enjoa. Isso não, ele não enjoa.Mas é doce no sentido bacana - um conto de fadas contado nos dias atuais e com premissa muito bacana, com a beleza e a sua importância real hoje. É um dos meus livros favoritos e sempre estou lendo.
Lindy e Kyle são personagens adoráveis e a mensagem que eles passam é interessante para todas as idades e num contexto geral.
Se você gosta de livros, vai se identificar com Lindy.
Se você às vezes tem um gênio complicado, pode se identificar com Kyle.
Se você é como eu, vai amar os dois do mesmo jeito.



- Catapora : um livro que você não vai ler de novo
Viagens na Minha TerraViagens na minha terra
Sabe aquele livro que você começa a ler e instantaneamente bate um sono danado? Li em um mês, porque na época eu precisava ler, o que isso é um recorde para um livrinho pequeno daqueles. Livro de vestibular pode ser uma chatice, apesar de que não foi assim com todos os clássicos que eu li pra vestibular.
Esse eu não conseguia ler sem ficar com sono. Terminei mas daquele jeito, né? Espero não precisar lê-lo novamente.
Não é que seja ruim. Só que não rolou.





- Ciclo Menstrual: um livro que você relê constantemente
Jogos VorazesJogos Vorazes

Isso é puro amor, sempre quero reler esse romance inteiro, não é só o primeiro não.
Harry Potter também, mas Jogos Vorazes é um livro que eu estou em constante releitura também (preciso reler ainda esse ano, já estou morrendo de saudades do meu Peeta). É ação, aventura, drama, romance e tudo ao mesmo tempo que me deixa sempre com aquele gostinho de quero mais, sabe? Quando termino tenho vontade de começar a ler novamente




- Gripe: um livro que se espalhou como vírus
A Culpa é das EstrelasA culpa é das estrelas
Por incrível que pareça, esse não é o meu livro favorito, apesar de ter gostado bastante dele e por mais que eu soubesse que não existia, eu saí procurando Uma Aflição Imperial depois que terminei o livro, crente de que de fato existia.
Mas na época que eu li, em 2012, ele tinha sido lançado há pouco tempo no Brasil, e depois que eu li, só via gente na rua com esse livro na mão e isso até hoje!
O livro se tornou um vírus, uma febre, epidemia.... Seja lá como chamar, mas esse se espalhou como todo livro gostaria de ficar por aí - nas prateleiras, no bolso, na bolsa, no leitor digital... Enfim!
Um vírus ;)



- Asma : um livro que tirou seu fôlego
EscuridãoEscuridão
Quando eu li esse livro, de fato eu fiquei com medo. Tinha medo do jeito como Alma descrevia, medo do que acontecia, e me arrepiei sem ter frio milhares de vezes.
Não é o melhor terror, mas lembro que foi tenso ler esse livro.
Pela capa eu não dei nada, mas terminei o livro querendo mais e assustada (rs).





Indicados:
 - Manuscrito de Cabeceira
 - Mente Hipercriativa
 - Lion Heart
 - Just Now
 - Eternamente Princesa

Curtiram a tag? :)

Postado em 5 de abril de 2014 às 01:39

[Novidades] Cidade da Meia Noite - A novidade da Jangada!

Galerinha, uma nova distopia está por vir de um autor que já vendeu roteiros para Warner Bros e 20th Century Fox.

Invasão alienígena, romance e aventura são os temas que envolvem o novo sci-fi apocalíptico para jovens adultos da Editora Jangada 

Em Cidade da Meia-Noite, crianças e adolescentes, que veem a Terra invadida e dominada por uma raça alienígena, lutam para reconquistar seu planeta após o misterioso desaparecimento de toda a população adulta 
Neste novo lançamento de leitura vertiginosa da Editora Jangada, o planeta Terra passa a ser governado por uma raça alienígena após sua invasão. Todos os adultos desaparecem e são dominados pela Estática, um estranho sinal ultrassônico controlado pelos temidos aliens, denominados como Confederados, sobrando apenas crianças e adolescentes, que são imunes ao controle mental dos ETs. A história gira em torno dos adolescentes Holt, um caçador de recompensas, e Mira, uma caçadora de tesouros, que tem seus destinos cruzados, quando a cabeça de Mira é posta a prêmio e Holt consegue capturá-la. 
a caminho da tal cidade da Meia-Noite, os dois se deparam com a queda de uma nave dos Confederados e eis que surge a pequena Zoey, uma criança que revelará super poderes, mas que tem um mistério em sua vida: ela não se lembra de nada de sua história a não ser seu nome. A menina se junta à dupla nesta jornada cheia de aventuras, lutas e mistérios
Mas agora toda a horda de Confederados está atrás da pequena Zoey, o que ela tem de tão especial? Será que sua vida e poderes são a chave da vitória na luta contra os aliens? 
Cidade da Meia-Noite tem narrativa simples e detalhada, com personagens cativantes, que ganham vida ao decorrer da história. Cotado entre os leitores da Amazon e Goodreads como uma obra quatro estrelas, o romance distópico que contará com três livros, terá o seu segundo volume: A Torre Partida, lançado ainda este ano.

 Sobre o autor:  
J. BARTON MITCHELL é criador e escritor de ficção especulativa. Ele já vendeu roteiros para a Warner Bros. E 20th Century Fox e criou a série de graphic novels POE para a Boom! Studios. Mitchell mora em Los Angeles e Cidade da Meia-Noite é o seu primeiro romance. 


Sobre a Editora: 
Jangada é um selo do Grupo Editorial Pensamento. Lançado em 2011, seu conteúdo tem por objetivo, alcançar novos espaços e ampliar o público leitor.  É voltada para a publicação de obras nas áreas de ficção fantástica, ficção histórica, suspense e ficção comercial em geral.


Sinopse: A Terra é conquistada por uma raça alienígena. A população adulta da Terra desaparece de vista, mas as crianças e os adolescentes são imunes aos efeitos. Enquanto isso, Holt Hawkins, um caçador de recompensas, tem como alvo Mira Toombs. Ele captura sua presa, mas a forte atração que surge entre os dois não é algo com que ele contasse. Eles ficam acampados próximos de onde ocorre a queda de uma nave alienígena, a qual a única sobrevivente é uma garotinha que não se lembra de mais nada a não ser do próprio nome: Zoey. Logo eles descobrem que todo o exército alienígena está à procura de Zoey. O que ela tem de tão especial? Esta fascinante história pós-apocalíptica, leva você a uma aventura repleta de criaturas assustadoras, tecnomagia e uma ação vertiginosa de tirar o fôlego.

E aí, gostaram? ;)

Desenvolvido por: Adorável Design Editado por: Pâm Possani