[RESENHA] O Sacrifício, de Bárbara Palermo

06:30

Hoje venho trazer para vocês a resenha do livro O Sacrifício, da autora Bárbara Palermo do blog publicado pela editora Viseu.

TítuloO Sacrifício
Série: -
Volume: 1
Autor: Bárbara Palermo
Páginas: 164
Editora: Viseu
Gênero: Romance / Fantasia / Literatura Nacional

SinopseA enfermeira Hannah Evans possuía uma vida normal e estabilizada, desempenhava sua profissão com zelo inquestionável e, em casa, era a grande companheira de Mago, seu gato. Sua vida pacata começou a se agitar com a chegada de um paciente misterioso ao hospital. Sem documentos, nenhum tipo de identificação e em coma, tornou-se o assunto na unidade médica. De forma ainda mais inesperada, Hannah descobre que aquele paciente possui uma ligação extremamente forte com ela. Nesse cenário, suas inseguranças e medos são postos à prova, além da capacidade de lutar não só pela vida, mas também por sentimentos inexplicáveis.

Continue lendo para conferir!

RESENHA
Livro cedido para resenha pela autora

Eu sigo a Bárbara há um tempinho nas redes sociais, mas foi só após algumas fotos e postagens específicas que descobri que ela é da minha cidade! E na verdade, moramos perto, acredita? Depois fui conhecer seu romance e fiquei curiosa e não é que me levou para um cenário bem longe de Jundiaí? Vamos lá que eu vou contar pra vocês!


Em O Sacrifício, vamos conhecer Hannah Evans, uma enfermeira que vive em Dublin e que ama o que faz. A sua vida acontece entre hospital e em casa, com seu gatinho Mago e não lhe sobra muito tempo para a vida "social". Quando um paciente misterioso chega, com uma beleza surpreendente e um passado borrado, Hannah se sente imediatamente curiosa sobre aquele homem em coma que começa a tomar forma em seus pensamentos. Ela precisa sair, se divertir, espairecer. É aí que um outro homem bonito aparece dentre os drinks de uma noite. Ele não diz tudo que deveria dizer, mas tem um bom papo, é interessante e tem aquela pontinha de curiosidade que dobra as mulheres. 
Era estranho, afinal nem nos conhecíamos, mas algo me puxava para aquele desconhecido. Depois que ele me olhou, mesmo que ligeiramente, eu soube que nada continuaria igual.
Pág. 14
Só que, alguns dias depois, em um dia que seria comum, o paciente acorda e os olhos mais misteriosos e intensos encontram os seus, gerando uma confusão em seus sentimentos. Pode Hannah ficar com o coração dividido? E talvez, o que ela descobrir desses dois homens, pode fazer a sua vida pacata virar de cabeça para baixo e um destino mortal pode estar à sua espera. Confesso que me identifiquei com Hannah em várias frases.
Relacionamentos eram complicados e eu não tinha bons históricos nessa área.
Pág. 17
O Sacrifício tem romance, tem mistério e tem aquele gostinho sobrenatural com fantasia, misturado a mitologia que fica difusa com a realidade, porque estamos na Irlanda, porém , além disso, é possível dar uma voltinha por Dublin que eu sou, particularmente, uma admiradora. Ah! E O Sacrifício tem ação, porque para dar o título ao livro, muitas coisas vão acontecer e confesso que tem certa personagem que aparece de uma forma na reta final (Freya) que me deixou com gostinho de quero mais, será que Bárbara tem um destino interessante para ela também?😏😏 
(...) às vezes agimos de acordo com o que achamos que é certo, mesmo não sendo para os outros.
Pág. 75
A escrita da Bárbara é fluida, gostosa de acompanhar e passa incrivelmente rápido, porque no final você chega e pensa: MAS como assim, como isso aconteceu aqui?  Outra coisa que gostei muito foi que Bárbara descreve os lugares na Irlanda com propriedade e é fácil se ambientar, tanto nas situações quanto nas ruas, bares, falésias...E se eu já tinha vontade de ir, agora eu fiquei com mais vontade ainda.
Tempo não significa nada, minha filha(...).
Pág. 84
Se você gosta de fantasia, quer uma leitura fluida, que vai passar rapidinho e ficar olhando para a capa imaginando aqueles olhos azuis, em O Sacrifício você vai encontrar isso e ainda mais: uma pegada de mistério, cultura e mitologia, além de um romance que vai te pegar de surpresa e te surpreender até o final, que não dá pra largar até chegar na última página. Aliás, vamos ter uma continuação? Preciso desse spoiler!
Esse mistério todo, se parece tanto com os mocinhos das novelas que vejo.
Pág. 84
E vocês, conheciam a autora e o livro? Não contei muito spoiler para não estragar a experiência de vocês.

Classificação: ⭐⭐⭐⭐⭐

Você também pode gostar

4 comentário (s)

  1. Oi, Pámela. Como vai? Não conhecia este livro e nem autora, mas já fiquei interessado em conhecer esta história mais de perto. Ótima resenha. Abraço!



    http://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, obrigada!!
      Acho que você iria curtir também, Luciano!!

      Excluir
  2. Olá,
    Ah, eu tenho quedinha por romances envolvendo desmemoriados. hahaha
    Fiquei curiosa com o tom sobrenatural e o que envolve mitologia na trama.
    E Irlanda é sempre um belo cenário.
    Sempre vejo os e-books dessa editora em promo na loja de e-books do Google, vou ficar de olho.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HEHEHEHE
      ADORO NANA
      Irlanda é linda demais nos livros, né?

      Ai, fica sim ♥♥

      Excluir

Like us on Facebook

Translate