[RESENHA] Prelúdio Sombrio, de Tillie Cole

Postado em 9 de dezembro de 2020 às 05:59

Hey cupcakes! Como vocês estão? Hoje é dia de resenha do livro Prelúdio Sombrio, da autora Tillie Cole, publicado pela The Gift Box aqui no Brasil.

TítuloPrelúdio Sombrio (It Ain't Me Babe)
Série: Hades Hangmen
Volume: 1
Autor: Tillie Cole
Páginas: 324
Editora: The Gift Box
Gênero: Romance  Dark / Ficção /Literatura Estrangeira

SinopsePecar nunca pareceu tão bom... Um encontro fortuito, que nunca deveria ter acontecido.
Muitos anos atrás, duas crianças de mundos completamente diferentes forjaram um laço inquebrável que mudaria suas vidas para sempre...
Salome conhece apenas uma maneira de viver: sob as regras do Profeta David. Na comuna que ela chama de lar, Salome não conhece nada além da sua rigorosa fé, nem a vida além da cerca; a cerca que a enjaula, mantendo-a presa em um círculo vicioso de tormento. Uma vida à qual acredita estar destinada, até que um evento horrível a liberta.
Fugindo da segurança de tudo o que conhecia, Salome é jogada no mundo exterior... Um mundo aterrorizante, cheio de pecados e incertezas; e nos braços de uma pessoa que ela acreditava que nunca veria novamente.
River 'Styx' Nash sabe da única certeza da vida — ele nasceu para usar um colete de couro. Criado em um mundo turbulento de sexo, Harleys e drogas, Styx inesperadamente se vê com o martelo do Hades Hangmen pesando sobre seus ombros, e tudo isso aos vinte e seis anos, para o deleite dos seus desafetos.
Atormentado pela impossibilidade de falar, Styx aprende rapidamente a lidar com seus inimigos. Punhos poderosos, uma mandíbula de ferro e a habilidade excepcional com sua preciosa faca alemã, lhe rendem a assustadora reputação de ser um homem que não deve ser incomodado no obscuro mundo dos MCs foras da lei. Uma reputação que mantém, com sucesso, a maioria das pessoas bem afastadas.
Styx tem uma única regra na vida: nunca deixar alguém se aproximar demais. É um plano ao qual se mantém fiel há anos, até que uma jovem é encontrada ferida no seu território... Uma mulher que lhe parece estranhamente familiar, uma mulher que claramente não pertence ao mundo dele, mas que ainda assim, Styx não consegue deixar ir..

Contém situações sexuais, violência, assuntos sensíveis e tabus, linguagem ofensiva e tópicos maduros. Recomendado para maiores de 18 anos *

Continue lendo para conferir a resenha sem spoilers!

RESENHA

Prelúdio Sombrio é o primeiro livro da série Hades Hangmen da autora Tillie Cole e é uma leve introdução para o que está por vir - acredite em mim, o que passa aqui está apenas começando. Reli recentemente na leitura coletiva do instagram Hades Hangmen BR e resolvi vir fazer a resenha e falar  um pouco sobre essa leitura. Esse é um romance Dark e a autora já alerta logo no início do livro que haverão cenas fortes, atrocidades, violência e a crença religiosa como assuntos que passam por aqui. 

A maioria das pessoas do meu mundo, que eu soubesse, viam a minha maneira de me comunicar como uma fraqueza, então meu pai disse que eu precisava ser mais duro e usar os punhos em vez de palavras.
Pág. 17

Styx é o presidente de um dos MC's mais temidos dos Estados Unidos: os Hades Hangmen, os também conhecido como homens do diabo. O prez, como é conhecido o presidente do clube, tem uma moto, causa medo e impõe suas regras, mesmo que ele seja... Mudo. River/Styx teve um problema quando pequeno e ele não consegue falar com as pessoas, pois gagueja muito...Ao menos, com a maioria. Em toda sua vida ele conseguiu pronunciar mais que algumas palavras com apenas três pessoas em sua vida... E a terceira nunca saiu da sua cabeça desde a primeira vez que ele a viu, com os cabelos escuros e os olhos de lobo. Os mesmos olhos da mulher que foi encontrada perto do lixo agora e que vem te trazendo muitas lembranças... Pode ser ela?  Enquanto Styx tenta descobrir o que seu coração tenta dizer, algo está ocorrendo por trás da história dessa desconhecida... E que pode estar ligado indiretamente a tudo que vem acontecendo no clube.

Eu acredito na bondade, não no sacrifício. Acredito no perdão, não na vingança. O Senhor no qual eu creio é compassivo e bom. Não vejo nada disso no profeta e nos discípulos.
Pág. 63

Você vai ficar chocada/o logo no primeiro livro. Vai se surpreender em como as pessoas podem usar e abusar do poder, usar de uma religião, para distorcer a realidade e construir a sua própria verdade, para fazer as pessoas acreditarem que coisas ruins... Precisam acontecer. No primeiro livro o foco é Styx/River e Mae, mas já vamos conhecer um pouco dos outros irmãos que serão protagonistas das próximas histórias. Ky, o loiro bonito que pega todas as mulheres no clube; Flame, o homem de cabelos escuros e olhos negros como a noite que sente prazer com a dor de se cortar e matar; AK, o ex fuzileiro naval, Rider, também ex-militar e médico... Todos eles terão seu momento e alguns se destacam mais nesse livro, para dar um gostinho do que está por vir. 

A vida é d-dura. A m-morte, pior a-ainda.

Vamos conhecer um pouco da personalidade deles - não se assuste e lembre-se de outra coisa com Tillie Cole: nada do que ela escreve é por acaso.  E ela se aprofunda nesse universo de uma forma que você nem imagina - as coisas que podem acontecer são infinitas. Personagens , acontecimentos... Coisas que acontecem aqui, pode ter impacto em outros volumes. Tem uma cena em especial que me incomodou nesse livro, não por ter sido mal escrito e sim por ser forte (violência). Tiro uma estrelinha do livro porque eu, particularmente, não me apeguei tanto a Styx e Mae e achei que alguns momentos sexuais ficaram repetitivos, por exemplo, apesar de ter gostado da forma como eles se aproximam e a primeira vez que se encontram achei muito bonito.

Ter homens tomando de mim o que queriam não me era estranho. Aprendi muito cedo que uma pessoa pode fazer de tudo para sobreviver.
Pág. 70

O livro tem termos que não são comuns fora do MC e podem soar obscenos e até mesmo indecorosos em qualquer outro contexto - aqui é um carinho, algo muito específico do motoclube, por isso é importante ler o glossário. Se eu disser que você se acostuma até o segundo volume, talvez eu seja criticada, mas foi o que aconteceu comigo e mais pessoas. Outro ponto, que posso ser polêmica também, mas entra naquela: alguns homens te chamam de amor e te tratam como lixo, não é verdade? Alguns te chamam de outro nome e te tratam como uma rainha e te dão as rédeas do coração. 🙅 
O maior truque do diabo foi convencer o mundo de que ele não existia.
Pág. 129
Prelúdio Sombrio trata de temas fortes, mas não os romantiza em momento algum. Algumas crenças são totalmente distorcidas e isso se deve à lavagem cerebral e o poder que algumas pessoas podem influenciar sobre as outras. O romance é intenso, tem palavrões e algumas cenas fortes - já deixo avisado. Você vai se sentir desconfortável, mas também vai começar a ter um olhar mais crítico sobre tabus, violência e abrir os olhos para leituras mais maduras e intensas.
Eu não consigo imaginar que algo tão bonito possa ser maligno.
Pág. 171
Certamente esse não é um livro para todos os públicos, mas se você quer abrir seu leque, gosta de homens tatuados, motoclube, um romance intenso e denso, um drama bem construído e intrincado, rock and roll e sente que já está preparado/a para uma leitura mais adulta, com temas maduros, a série é uma boa pedida. E se você estiver em um momento que precisa respirar e não está preparado para algo forte, não leia agora, te aconselho. Vá amadurecendo a ideia e dê uma chance lá na frente: a série vai valer a pena!
Pessoas com teto de vidro não deveriam jogar pedras!
Pág. 200
Classificação: ⭐⭐⭐⭐

Livro disponível no Kindle Unlimited!

Se você não tem o programa, resgate seus 30 dias grátis no programa aqui e aproveite para ler!  

Você poderá gostar de:

14 comentário (s)

  1. Oi, Pâmela. Como vai? Esse livro tem recebido muitos elogios de quem o lê. Eu não sou muito acostumado em ler livros deste tipo, e sinceramente não sei se leria esta obra. Entretanto è bom saber que você gostou do que leu e recomenda para quem tiver interesse em lê-lo. Muito boa sua resenha. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É diferente e é pesado também, sabe? Mas vale a pena!!!

      Excluir
  2. Olá, eu não conhecia o livro e parece ser uma leitura bem diferente do que estou acostumada. Adorei a sua resenha, muito bem explicada ♥

    Beijos
    http://www.leiapop.com/

    ResponderExcluir
  3. Amei a resenha. Já faz um tempo que digo que vou ler algo mais dark, mas ainda não me sinto pronta.
    eu amo as capas dos livros da Tillie
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Pâm, tudo bem?

    Tenho um livro da Tillie, o Mil Beijos de Garoto e ainda não li. A Ale, do Estante da Ale adoro esses livros com um toque mais dark da autora e confesso que faz tempo que não leio nada no estilo. Mas assim com as resenhas da Ale a sua me deixou bem curiosa.

    Beijos;*
    Ariane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é MARAVILHOSO! Leia mil beijos ♥
      Ela me indicou ele e eu me apaixonei, claro HEHEHEHEH

      Excluir
  5. Não é o meu tipo de livro, Pâm. Até gosto de sair da zona de conforto e fico curiosa com essas resenhas, mas acho que, no momento, não estou preparada para embarcar. E isso da religião é tão do mundo real, né? Infelizmente! Mas enfim, apesar de não ser a minha leitura favorita, acho que você mandou muito bem na resenha. :)

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Carol!
      Esse livro não é pra qualquer momento não, sabe? Mas vale a pena , quem sabe um dia ? ;)

      origada, querida!

      Excluir
  6. Oi, Pânzinha

    Eu tenho esse livro aqui, mas primeiro estou me preparando para não problematizar, sabe? Só de saber que não há romantização das situações já me deixa mais aliviada, vc não é a primeira a falar isso, aliás. Mas ainda assim acho que não é o momento certo. Vou esperar mais um pouquinho.

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Tami
      super te entendo!E apoio
      as vezes nao é o momento da gente ter certo tipo de leitura
      Quando ler Prelúdio, já engata no coração, que é um dos meus favoritos!

      Excluir
  7. TILLIE COLE RAINHA DO MEU CORAÇÃO!
    E esse nem é o melhor livro dela, hein?
    FLAME VEM PRA MIM! ♥ ♥ ♥ ♥
    Fico feliz que você tenha levado minha indicação adiante, Pamzinha. Sei que fui chata, insistente, mas sabe como é.... EU NÃO INDICO LIVRO RUIM! KKKKKKKKKKKKKKKKKK
    beeeeeeeeeeeeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não foi no primeiro, mas no segundo eu ja nao tinha mais resistencia nenhuminha, né?
      ADORO SUAS INDICAÇOESSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

      Excluir