[RESENHA] Os Segredos de Colin Bridgerton, de Julia Quinn (Os Bridgertons #4)

Postado em 13 de fevereiro de 2019 às 05:53

Hey cupcakes! Hoje é dia de resenha do quarto livro da série Os Bridgertons, publicada pela editora Arqueiro da nossa querida autora Julia Quinn, Os Segredos de Colin Bridgerton - será que serão todos revelados?
Resenha Os segredos de Colin Bridgerton

Sinopse: Há muitos anos Penelope Featherington frequenta a casa dos Bridgertons. E há muitos anos alimenta uma paixão secreta por Colin, irmão de sua melhor amiga e um dos solteiros mais encantadores e arredios de Londres. Quando ele retorna de uma de suas longas viagens ao exterior, Penelope descobre seu maior segredo por acaso e chega à conclusão de que tudo o que pensava sobre seu objeto de desejo talvez não seja verdade. Ele, por sua vez, também tem uma surpresa: Penelope se transformou, de uma jovem sem graça ignorada por toda a alta sociedade, numa mulher dona de um senso de humor afiado e de uma beleza incomum. Ao deparar com tamanha mudança, Colin, que sempre a enxergara apenas como uma divertida companhia ocasional, começa a querer passar cada vez mais tempo a seu lado. Quando os dois trocam o primeiro beijo, ele não entende como nunca pôde ver o que sempre esteve bem à sua frente. No entanto, quando fica sabendo que ela guarda um segredo ainda maior que o seu, precisa decidir se Penelope é sua maior ameaça ou a promessa de um final feliz.
Continue lendo!

RESENHA
Penelope Featherington é uma das amigas da família Bridgerton apesar de não ser considerada uma moça muito influente na sociedade - não tanto quanto sua amiga Eloise, que já recebeu diversos convites de diversos cavalheiros e ela... Bem... Nenhum? A verdade é que as temporadas se tornaram longas e alguns anos já se passaram e ela continua solteira. Mas ela não é do tipo que se importa... Se importa? E se ela nutre uma paixão que precisa ficar secreta por Colin Bridgerton e ele voltar nesse meio tempo, ela conseguiria dizer sim a qualquer outra dança?
Há momentos na vida de uma mulher em que seu coração dá uma cambalhota no peito, em que o mundo parece atipicamente cor-de-rosa e perfeito, em que uma sinfonia pode ser ouvida no toque de uma campainha.
pág. 113
Colin Bridgerton, por sua vez, sempre teve a fama de libertino e viajante - ele faz longas viagens sem contar a ninguém sobre os seus destinos e depois de um longo tempo, retorna para casa. Mas ele já chegou à casa dos trinta e poucos anos e ainda não pensa nas temporadas para encontrar uma moça para casar. Isso tudo até ver a pobre Penelope e... Espera. Aquela amiga que todos consideravam sem graça se transformou como uma flor e o senso de humor continua tão afiado e sincero quanto antes. A beleza incomum pega Colin de surpresa e a já divertida companhia da jovem parece se tornar cada vez mais interessante. E depois que ele descobrir alguns segredos, será que vai considerar Penelope uma ameaça à imagem ou uma libertação?
É sempre interessante descobrir algo que não se imagina sobre uma pessoa, não acha?
pág. 88
Confesso que esperava alguma coisa diferente, mas ainda assim, o quarto livro é muito gostoso e devorei ele em pouquíssimo tempo. Temos algumas participações das outras irmãs e irmãos Bridgerton e devo dizer que Hyacinth muito se destaca com o irmão - acho que ela poderia ser minha Bridgerton favorita juntamente com Colin. Colin Bridgerton é o meu Bridgerton masculino favorito desde o primeiro livro, apesar de ter gostado muito de Anthony também - aqui vamos conhecer uma faceta de Colin que ninguém mostra e muito me apaixonei -, desde o primeiro livro e a Penelope.. Cara, devo dizer que super me identifiquei com ela. Ela é tímida, mas ao mesmo tempo mostra que tem a sua força em todo seu mistério e é uma moça muito simpática, única e tem um humor ótimo.
As pessoas são como vinhos. Se começam boas, só fazem melhorar com a idade.
pág. 143
Adorei o desenvolvimento do livro, das personagens e dos segredos - existem muitos desvendados durante o livro. Você pode adivinhá-los ou não, alguns são previsíveis e outros nem tanto, valeu muito a pena a leitura. Então o quarto livro dos Bridgertons tem muitos segredos que vinham acompanhando os três livros anteriores e tem algumas resoluções aqui, tem um humor gostoso e afiado e personagens diretos (GLÓRIA A DEUS!!!) e ah, como gostei disso! Tem uma leitura fluida, rápida e vai te fazer ficar com vontade de conhecer um Colin Bridgerton na vida real.
Qualquer um que tratasse a mãe tão bem sem dúvida daria um ótimo marido.
Classificação: ⭐⭐⭐⭐⭐

Você poderá gostar de:

2 comentário (s)

  1. gostei da resenha não é bem minha linha de leitura as parece interessante

    ResponderExcluir
  2. Oi Pam, como está?
    Ainda não cheguei nesse livro hahahah
    cheguei a pensar q o Anthony ia ser meu preferido, mas dps do livro dele acho q vai ser o Colin msm XD
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir