Livros físicos x Livros digitais : Qual tipo você prefere?

Postado em 17 de janeiro de 2015 às 22:34 por

Hey pessoal! Como vão? Acho que essa é uma postagem que eu muito quero fazer e estava tentando colocar aqui faz um tempinho já.
Livros. Livros físicos. Livros digitais. O que o mundo precisa é de livros e de suas palavras, para crescer, para expandir e explodir de tanto conhecimento, de tantas histórias que foram criadas.
Mas... Importa se ele está na telinha do tablet, celular, e-reader ou se foi impresso, em página jornal, papel pólen ou folha branca?
Importa se a letra está minúscula ou enorme, se a margem é muito grande ou muito pequena, se a diagramação agrada ou não importa. Se a revisão está correta. Se a luz que incide sobre o meio de leitura atrapalha ou não. Se pode ler à noite no escuro ou precisa de uma luz acesa, nem que seja do abajur.
Tudo isso importa realmente?
SIM! Pelo menos para minha pessoa, isso importa e muito, por mais que eu custe a admitir.
Mas também pode ser apenas uma questão de gosto... Não sei!
Muita gente vai falar que "não, o que importa é o conteúdo", mas se recusa a comprar um livro de edição de bolso ou econômica porque a letra é muito pequena ou a página é branca. Digo isso porque já aconteceu comigo, mas eu continuo comprando essas edições, pois a pessoa que vos escreve acha que compensa sim, e como já disse pouco antes, o conteúdo é o mesmo. Mas vamos conhecer as peculiaridades de cada um?


Livros físicos
Bom, claro que um livro físico é um livro que foi impresso em papel sulfite, pólen ou de outro material para que possamos ler sem acessar um aplicativo ou algo parecido. Mas existem vários tipos de livros físicos, ao meu ver.

Edição Econômica
Sabe quando você deseja comprar aquele livro maravilhoso, porque viu que a edição dele tem capa brilhante e quando você compra no submarino não vê que está escrito "Edição Econômica"? Pois são eles. E veja bem, a diferença pode acontecer de editora para editora, mas eles tem um padrão, pelo menos na edições econômicas que comprei. O preço é bem camaradinha, lembre-se disso!
- Páginas ligeiramente mais finas (Editora Galera Record faz isso)
- Geralmente folhas brancas (Galera Record faz isso, mas a Intrínseca deixa as páginas amarelas)
- Letras menores (Intrínseca, diminui as letras, já a Galera Record, mantém no tamanho normal para leitura)
- Não tem a orelha do livro - sabe aquela parte que as pessoas desavisadas usam pra marcar a página do livro e amassa ele todo? Então. Na edição econômica, isso não existe (error 404, não existente).
- As capas geralmente não são foscas e sim brilhantes. E sabe aquele brilhinho ou detalhe especial em relevo da edição original? Isso não é cogitado para uma edição econômica. E ela é mais fina também, geralmente. Mas eu tenhouma edição de Percy Jackson econômica que era fosca. Depende muito!
- Diagramação pode, mas não obrigatoriamente, mudar. Na Intrínseca acontece, assim como aconteceu com Diários do Vampiro da Galera Record, que tem margens menores do que as primeiras edições.
De exemplo, meu livro Tamanho 42 não é Gorda, edição econômica da Galera Record e Percy Jackson:


Edição de Bolso
Sabe aqueles pockets/livro de bolso que tem duas histórias em um, ou tem apenas um, mas o livro é menorzinho, e você encontra por dez reais na Americanas? Então. É esse aí.
A letra dele é menor, e cabem muito mais palavras em um espacinho minúsculo. Ou por vezes, o livro pode ficar um pouquinho maior do que seria uma edição normal. Geralmente vira-viras.
Exemplo do meu Tesouro Secreto e Virtude Indecente, da BestBolso
Edição Normal
É a nossa edição amorzinho, tudo de bom, com um tamanho bom para leitura, com orelha de livro, diagramação ótima, qualidade das folhas não deixa a desejar e etc. Bom, na verdade, isso depende da editora, como eu disse na parte de "Edição Econômica", mas geralmente a edição comum é a favorita dos leitores, justamente porque é mais confortável para leitura ou visualmente - colecionadores adoram! Essas edições geralmente são as mais caras, então atente-se nas lojas virtuais - se aquele livro estiver muito barato, desconfie, pesquise quem já comprou e previna-se de uma reclamação!
Exemplo da edição de Orgulho e Preconceito,da Martin Claret:

Livros Digitais
Livros digitais, tem o mesmo conteúdo de um livro físico, porém, são dispostos de acordo com um aplicativo ou um leitor e-reader. Ou seja, a partir de uma telinha. Celular, tablet... Enfim!

Edição Original
Uma edição original de um epub/mobi/formato que seu dispositivo lê, aquelas compradas em lojas especializadas (Kobo ou Amazon ou Saraiva ou Livraria Cultura), se adequa melhor ao seu dispositivo, fazendo com que seja confortável a leitura.
Exemplo do livro A Escolha, da Seguinte:

Edição Aleatória
Não é aleatória, mas eu diria que não é uma original. O texto pode diferir, mas a história é a mesma. Às vezes é uma tradução, e a disposição fica um pouco divergente da original. Mas você consegue ler normalmente, só é visualmente diferente.
Exemplo do livro Blue Bloods, é possível ver que não quebra a linha normal, quebra antes do necessário, dentre outros detalhes que podem vir ocorrer:

Lembrando que geralmente, os livros digitais são mais baratos que os livros físicos, mas já vi livros digitais também sendo mais caros que os físicos então... Vai do que você mais se identifica :)

Gostaram da postagem? Faltou alguma coisa? Vamos conversar!

Você também pode gostar de:

15 comentários

  1. oi pam, so consigo amar livros, os diigitais cansam a visao demais :( ameii os que vc mostrou da nora roberts, amooo romances dela <3
    pam me visite também:
    Gilvaniaevans.com

    ResponderExcluir
  2. Would you like to follow each other via GFC? Let me know and I'll follow you back ASAP :)
    http://fashionailsartsbyanna.blogspot.com.es/
    Kisses!

    ResponderExcluir
  3. Capas me atraem sim! Julgo livro pela capa e gosto quando elas são bem bonitas!
    Também me atraem folhas amareladas e fontes boas de ler, bem legível e de preferência não tão pequeno. Não cansa a visão e flui melhor.
    Nunca li e-book !

    tofalandoisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Pam!
    SEMPRE livros físicos, edição de bolso e econômica se o preço compensar. HAHAHA
    E a capa.... ah, a capa! Quem dizer que nunca comprou um livro pela capa, está mentindo! hahaha
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Eu sempre prefiro os livros físicos, é muito bom a sensação de toca-los e poder vê-los todos bonitos na minha estante *-* Não sou muito fã das edições econômicas :/

    Beijos, www.rayramii.com

    ResponderExcluir
  6. Gostei bastante, tira dúvidas de muitas pessoas que não tem muito contato com os livros digitais e até os diferentes formatos dos livros físicos. Eu ainda prefiro os físicos, mas pela praticidade de poder levar vários livros em um único equipamento leve e pequeno e não ocupar espaço quase algum, tô querendo muito um e-reader pra chamar de meu <3 rs

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    Uau, assunto completo e é bem debatido, eu gosto do físico, mas amo a mãe natureza e de vez em quando escolho digitais, mas nada é tão emocionante quanto o físico e não vou me desapear dele, jamais!
    As edições de bolsos são legais, eu prefiro com letra pequena e páginas amareladas, mas nem é tão importante quanto as orelhas para proteger precioso livro.

    Enfim, prefiro apostar no físico comum e bem fofo, mas de vez em quando dou chance aos outros rs.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. É como você mesma disse, varia de pessoa pra pessoa. Entendo totalmente sua opinião, acredito que seja igual a da maioria (e que aliás seu post ficou ótimo, super bem explicado!), mas eu felizmente não tenho problema com o modelo de livro. Na verdade, acho que leio mais ebook do que livro físico porque acho mais prático. Adoro ler no caminho pra faculdade, e ter no celular facilita muito mais do que levar um peso extra, fora pra outros locais. Mas também adoro físicos, o cheirinho único e poder esquecer o mundo entrando nas páginas. Sei lá, talvez seja questão de costume também, se adaptar com aquele outro modo. Ou não tem como mesmo e pronto haha A única coisa que não gosto da edição de bolso é que parece ter algo errado ali, que cortaram grande parte da história. Sempre tenho essa sensação, você não? Me deixa incomodada até, então nem arrisco, só se for última opção

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova no blog de "Ser feliz é assim", vem conferir!

    ResponderExcluir
  9. Eu não consigo ler livros digitais :( cansa a vista, acabo perdendo o foco e enfim...

    mas em relação a livros de bolso, edições econômicas e normais, não tenho frescura. Só os da Marian Keyes que faço questão de comprar o grandão mesmo <3

    aliás... queria ler esse livro da Meg Cabot que você ilustrou no post. Muito mesmo! mas vou me segurar pra comprar, tenho monte de livro parado na fila HAHAH

    beijo pam!
    beinghellz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Pam, eu até leio digital quando não tenho outra alternativa, mas gosto mesmo é do físico.
    E se não for na versão econômica, melhor ainda.
    :D

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  11. Sua postagem a respeito ficou bem completinha e tenho que admitir, que apesar de para mim ser mais rápido de ler um livro físico, de um ano pra cá perdi meu preconceito com e-books, e li alguns livros digitais no ano passado. Realmente são experiências diferentes e cada um tem seu gosto pessoal, mas acho que o que importa são as histórias, então no momento, posso dizer que leio quase qualquer livro (em relação à formato), seja edição econômica, pocket, ebook, etc.

    aguardandoocamaleao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oiiiii PAAAM , eu amo tanto e-books quanto livros físicos... Sai bem mais em conta um livro digital, entãao , atualmente eu tenho preferido estes... PORÉEEEM, nada supera comprar um livro novinho e dar aquela primeira "fungada" hahahhaha, prazer que dá aquela nostalgia e alegria *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luminha querida :D
      HAHAHAHAH os ebooks acabam saindo bem em conta
      isso é verdade, eu sempre faço isso com os livros <3 é puro amorzinho!
      Um beijo!
      Pâm

      Excluir
  13. Oi Pam!
    Cara, não consigo... simplesmente não consigo ler e-books. Eles me cansam a vista (falou a velha de oitenta anos). Mas é verdade, eu já tentei ler um e-book e não deu: Desisti. E comprei o livro físico depois auahauha
    Sei lá, para mim nada vai substituir a sensação deliciosa de pegar um livro novo em mãos, cheirá-lo (sim, sou viciada em cheirar livros, problem?), e ler a última frase da história antes do começo (também é uma coisa que eu faço não sei o pq).
    Adorei o seu post, ficou ótimo :3
    Beijão!!!

    http://penny-lane-blog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem? Quanto a edição do livro eu não ligo muito. Mas gosto de livros físicos, os e-books não me agradam, pois minhas vistam cansam muito, o que não gosto no livro de edição econômica é as folhas brancas, mas não ligo muito pela falta de orelha rsrs
    Beijos :)
    http://leit0res.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

NEWSletter

Blog Archive