[RESENHA] Guardians, de Luciane Rangel

Postado em 7 de dezembro de 2012 às 13:50 por

Título Original: Guardians - Volume 1
Autora: Luciane Rangel
Páginas:359
Editora: Lexia
Ano: 2010
 http://4.bp.blogspot.com/-18ey8b01eXY/UGBTovfd_NI/AAAAAAAAEFI/DkA66gTrO8s/s320/capa-oficial-guardians+-+grande.jpgAnne Soares tem 22 anos, é órfã de mãe e vive em uma mansão no Brasil, esquecida pelo pai empresário. Sua vida, aparentemente confortável, muda quando é atacada durante uma festa por um estranho ser. Sua surpresa é ainda maior quando dois jovens desconhecidos aparecem para salvá-la e falam da existência de outra dimensão: o mundo youkai, onde vivem demônios, invejando e cobiçando o mundo dos humanos.
Antes que pudesse avaliar o assunto, a jovem é convencida a partir para o Japão, como a Guardiã do signo de Câncer, na missão de evitar a abertura total da fenda dimensional que permite a passagem dos youkais para o seu mundo. Embora nem mesmo Anne acredite ter tal poder, ela é ansiosamente aguardada por uma francesa, Sofie Gautier, antiga Guardiã de Áries incumbida de reunir esta nova geração de guerreiros.
Lá, a moça se depara com uma realidade muito além da que conhecia: treinamentos difíceis, massacres na cidade e o temor por Kuro, um monstruoso rei que planeja tomar o mundo humano.
Seria Anne realmente a Guardiã esperada por todos para compor a equipe? E se fosse, conseguiria aprender em meses tudo aquilo que os outros aprenderam durante toda a vida?


*** Booktour realizado pela autora

RESENHA
 
Mais uma resenha de autora nacional, e essa mais uma vez me surpreendeu. Eu já era parceira da autora Luciane Rangel e sempre ouvi as pessoas falando super bem dos livros dessa moça, mas euzinha nunca tinha passado pela experiência de ler um de seus livros. Quando ela me mandou o convite para participar do BookTour pensei: "Por que não?"



O livro Guardians conta a história de 12 guardiões e cada um tem um signo diferente, o que faz que cada um tenha mais afinidade com um elemento - água, fogo, terra ou ar. Mas esses guardiões, precisam ficar juntos para que assim possam derrotar e proteger a sociedade dos youkai, seres das trevas da outra dimensão e para isso, eles tem que fechar a barreira, que voltou a ficar aberta, desde os últimos guardiões que lutaram. Lembrou de desenhos ou mangás? Pois eu também. E eu, que nunca fui apaixonada por histórias assim, me vi encantada no modo fluido como Luciane constrói a narrativa, não deixando espaços para caras feias, alternando personagens e momentos, com risos e até lágrimas.

- Tá brincando que essa pirralha é uma Guardiã!
- Pirralha, não! - Ofendeu-se a menina - Eu já tenho dezesseis anos!
Todos olharam-na e piscaram. Entendendo o que se passava pela cabeça deles, tratou de se corrigir:
- Tá, eu tenho quinze...Parem de me olhar com essas caras, tenho treze, tá legal? Ou melhor, eu vou fazer treze...
Ah, é? - Disse Shermmie - Quando?
- Ano que vem.

Outro ponto, é que grande parte da história acaba se passando no Japão - apesar de se iniciar no Brasil - e isso é uma coisa que a gente não vê muito nos livros de hoje, o que eu achei bem dinâmico e divertido.
O livro também é repleto de ilustrações - que confesso, eu queria mais e mais ilustrações e palavras e quando cheguei na metade do livro, não queria mais que acabasse. No início então, eu achei muito bom ,pois como não estava acostumada com uma narrativa mais "aventura" eu me confundia, e as imagens me auxiliaram em todo processo literário.  Outro segredo : durante a leitura, eu ficava fechando o livro e olhando a capa, para poder identificar e observar cada personagem com mais atenção. É muita curiosidade aberta!

Nem sempre conseguimos proteger as pessoas que gostamos. Essa é a pior parte de ser um Guardião. Tem horas em que os “super-poderes” não valem absolutamente nada... Nem sempre podemos proteger a todos... Mas, ao menos, temos a chance de tentar. E sempre há alguém a quem conseguimos proteger. Não a todos, mas a uma boa parte deles.

O primeiro livro tem um desfecho que te deixa ávida para o próximo (mas eu não tenho, oh God! Preciso muito!) e a diagramação é impecável, pouquíssimos erros ortográficos. Página branca ? Mas nem pense em torcer o nariz - eu também faço isso, HAHA - porque é  tão rápido, que você acaba não visualizando de outra forma. Escrito em terceira pessoa, Guardians vai prender você do início ao fim e te fazer querer ser um guardião ,seja pelos meninos lindos, seja pelas garotas super incríveis!





- História: ☁☁☁☁☁
- Narrativa: ☁☁☁☁
- Capa: ☁☁☁☁
- Personagens: ☁☁☁☁

Você também pode gostar de:

4 comentários

  1. Owwww parabéns pela resenha, muito boa!
    Eu já havia visto esse livro e os outros dessa série. Achei bem interessante, além de que envolve os signos.

    Abraços.
    Entre Livros e Livros.
    musicaselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Pam, acabei de ler seu comentário no meu blog sobre a plaquinha da promoção... fique a vontade pra divulgar, isso é muito bom pra promoção! Desde já agradeço viu!
    E muito boa sua resenha, eu nunca tinha ouvido falar desse livro :o

    Beeeeeijos e ótima sexta feira!

    ResponderExcluir
  3. oi o livro parece ser bom pelo menos eu gostei da capa :)
    Tem um meme la no blog para vc espero q goste, ele entra no ar no sabado agora bjs,

    www.resenhasteen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Não é muito meu gosto literário favorito, mas se pudesse leria com certeza. Adoreii sua resenha...fez me interessar pelo livro.
    Beijinhos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

    ResponderExcluir

NEWSletter

Blog Archive