[PEGA A PIPOCA] Filme Uma Garota Encantada

Postado em 7 de outubro de 2015 às 15:00 por

Salve, salve galera. Já faz um tempinho que eu não vinha com essa coluna, sentiram saudades de mim? Porque eu senti de vocês. Quero dizer, saudades da coluna, porque até a pouco tempo o LP respondeu a uma TAG com a Pâm.
Senhoras, senhores, convido vocês a embarcarem no túnel do tempo, vamos voltar lá para 2004, para o terceiro filme como protagonista de uma atriz oscarizada. Com vocês, Ella Enchanted, ou no título em português, Uma Garota Encantada.
Agora que já voltamos para pegar nossa atriz, vamos voltar mais no tempo, para uma época de cavaleiros, príncipes e princesas.
“Ella (Anne Hathaway) ganha um insólito presente de sua madrinha Lucinda (Vivica A. Fox) o dom da obediência. Com isso ela é obrigada a fazer tudo o que as pessoas mandam, independente do que seja sem ter como se recusar. Após seu pai (Patrick Bergin) se casar novamente, sua vida piora ainda mais. Após sua madrasta Olga (Joanna Lumley) e as filhas dela, Hattie (Lucy Punch) e Olive (Jennifer Higham), descobrirem que Ella está sob o efeito do dom da obediência elas passam a explorá-la cada vez mais. Decidida a mudar de vida, Ella sai de casa e inicia uma viagem para reencontrar sua madrinha, pois apenas ela pode desfazer o feitiço. No caminho ela encontra o duende Slannen (Aidan McArdle), que decide acompanhar a viagem de Ella, e o Príncipe Char (Hugh Dancy), por quem se apaixona. ”
Antes de mais nada sinto que tenho a obrigação de esclarecer uma coisa, é da natureza humana o desenvolvimento de um senso crítico devastador sempre que nos julgamos conhecedores de uma determinada área. Acontece é que muitas vezes estamos tão acostumados a criticar que esquecemos de simplesmente apreciar o que está diante de nós.
Então, sim esse filme não é aquele que vai mudar sua vida, porém é uma obra que deve ser apreciada por sua capacidade de trazer uma boa diversão e entretenimento.
O que nós vamos ver nesse aqui em especial é uma comedia romântica que segue a mesma formula de tantas outras, mocinho e mocinha têm as suas diferenças e não podem ficar juntos, mas no fim o amor supera todos os obstáculos e eles vivem felizes para sempre... até porque estas historias costumam a fechar em si mesmas.
Uma garota encantada, de Tommy O’Haver, vai contar a história de Ella de Frell, uma garota adolescente que recebe de sua fada madrinha o dom da obediência enquanto ainda é um bebe, logo não importa a ordem que receba Ellavai cumprir, fato mostrado ainda no momento em que a fada a tem nos braços e manda que esta fique quieta, quando a neném começa a chorar muito e é prontamente obedecida com a pequena Ella fechando os olhos imediatamente. Sua mãe (Donna Dent), temendo os problemas que essa “benção” traria a pequena, tenta dissuadi-la com ajuda de sua atrapalhada fada domestica Minnie Driver, porém não consegue. Mais tarde somos apresentados a madrasta de Ella e suas duas filhas Hattie e Olive, até aí queridos e queridas, nenhuma novidade e não há qualquer novidade também quando vemos Ella cansada de sofrer nas mãos das irmãs que descobrem sua condição e resolve partir para achar a fada madrinha.
Esse parágrafo acima serve para ilustrar a “corriqueiriedade” do roteiro que não nos traz nada de novo, o que ele tem de novidade são as referências modernas ao estilo Shrek que tornam tudo mais amável, como o príncipe Charmont (Hugh Dancy) que tem um fã clube de garotas que correm gritando atrás dele, uma escada rolante no novíssimo recém inaugurado shopping, vale a pena reparar que mesmo sendo uma escada rolante ela é movida a manivela, com uma pessoa rodando para faze-la funcionar. Logo, é com ogros, duendes, gigantes e até algumas apresentações musicais que o filme se desenrola e conta sua história fofa e bem interessante.

Roteiro: Infelizmente não é um filme exatamente revolucionário com mudanças súbitas no roteiro, ou que vá prender sua atenção pelos momentos de reflexão profunda, esse na verdade, é um entretenimento satisfatório para uma tarde monótona de domingo. Seu roteiro é bem simples e minimalista, mas divertido e fofo. Mas há momentos que mesmo você sabendo como vai se desenrolar, lá perto do fim do filme, faz com que você torça para a protagonista e ria de suas situações caricatas.

Personagens:
Anne Hathaway: Interpreta a decidida e obediente Ella de Frell. Este foi um dos primeiros filmes da atriz, logo havia pouca experiência e muito talento bruto, o que eu posso afirmar com certeza é que observando o filme nota-se que Anne demonstra facilmente suas expressões facilmente, tornando-se aquele tipo de pessoa que você pode notar a distância quando está triste e feliz.
Hugh Dancy: Príncipe Char é simplesmente o típico par romântico que encontramos nesses tipos de comedia, com direito a um fã clube de garotas amalucadas, inocência e despreparo para assumir o cargo de rei, em termos de atuação ele está de acordo com o que o filme pede.
Aidan McArdle: Como duende Slannen que segue e auxilia Anne durante sua jornada, enquanto busca mudar seu destino, uma vez que é obrigado por um decreto real a ser cantor e destoa uma certa falta de talento para tanto.
Em resumo o filme não mudou a visão do cinema, tão pouco é algo fantástico e sem precedentes, porém ainda é uma obra que vale sim ser assistida.

"Ninguém deve ser forçado a fazer o que não quer. Falo por experiencia própria." - Anne. 

Você também pode gostar de:

16 comentários

  1. Gostei muito do filme, embora como você disse, não haja grandes surpresas é uma história fofa e cativante, vale a pena cada minuto.

    Valeu pela visita no rascunho com café e parabéns pela resenha, está muito boa.

    Abraços,

    Alessandro Bruno
    www.rascunhocomcafe.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, LP, tudo bem?
    Vou até cantar pra você!

    ♪♫ Cannn, any-bo-dy-yyy, fiiiind meeeee, somebody tooooo LOOOOOVE!

    HAHAHAHAHAH

    Eu adoro esse filme. Assim como você disse, ele não muda a vida de quem o assiste, mas é tão gostosinho e cumpre seu papel em divertir o espectador! ♥
    Sempre que eu assisto eu me acado cantando Somebody To Love! hahaha

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  3. Eu amo esse filme :) Dava várias vezes cá em Portugal na TV nas sessões de domingo <3
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  4. Eu já assisti esse filme e gosto muito dele, ele é um dos meus favoritos! <3
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi,
    Adoro os filmes com a Anne Hathaway, mas ainda não tive oportunidade de ver esse. Irei anotar a dica!
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  6. Oi LP!

    Quero dizer uma coisa sobre seu comentário do roteiro do filme... "Filme de Menininha!" rsrsrs Eles são assim, só precisa ser divertido e fofo mesmo! rsrsrs Mas tem uns de menininhas que são chatos! e olha que eu gosto hein! Esse parece ser legal (como eu ainda não assisti!!? Sou a rainha dos filmes de menininha!)
    LP, pergunta por fora - vc estuda cinema ou alguma coisa assim? Ou só curte mesmo?

    Bjos pra vc e pra Pâm!!
    JuJu

    ResponderExcluir
  7. Ooooi LP e Pâm, como vocês estão?
    Como eu AMO essa filme, HAHHAHA
    A parte que tem a música do Queen, eu sempre aumento no máximo, fica eu e minha mãe que nem duas doidas cantando junto com os personagens, rs.
    Ver essa crítica me surpreendeu bastante e vou dizer que foi muito legal relembrar essa história.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/
    P.S.: LP, vou tentar ver o walkthroug de The Last of Us no feriado!

    ResponderExcluir
  8. Oiiiieeee LP!
    Confesso que já assisti esse filme umas quarenta vezes e continuo adorando! Sou uma apaixonada por contos de fadas e não me canso de desse bem humorado conto.
    Vou ser obrigada a te citar o resto da vida: "... é da natureza humana o desenvolvimento de um senso crítico devastador sempre que nos julgamos conhecedores de uma determinada área. Acontece é que muitas vezes estamos tão acostumados a criticar que esquecemos de simplesmente apreciar o que está diante de nós".(Luiz Paulo Nunes)
    Ótima crítica!

    Beijos!
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
  9. Auuunw, eu já vi um pedaço desse filme e é tipo muito amável <3
    HAHAHAHAH

    Gostei da sua resenha.

    <3

    beeeijão
    http://carolhermanas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Ah, de fato não é nenhum filme ~ooh que vai mudar sua vida, mas é bem divertido de assistir, achei super fofo :DD

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova no blog de "Uma história de amor e TOC", vem conferir!

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Eu vi esse filme na Sessão da Tarde há muitos anos atrás, não chegou a mudar a minha vida, mas foram algumas horas de diversão, sem contar que gosto da Anne atuando.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Faz tempo que assisti o filme!! a Anne era tão novinha *_*
    Eu gostei da história, claro e sempre assistia quando passava <3

    ResponderExcluir
  13. Olá, gostei muito do blog! :D
    Também tenho um onde coloco minhas poesias. Poderia dar uma olhada?
    http://wordsbyalonelyguy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi LP,
    Esse filme é uma graça, para passar o tempo mesmo.
    Na verdade, lembro quando eu era teen e aluguei, nem cheguei a torná-lo como um dos meus favoritos, mas curti.
    Hugh Dancy super fofo novinho haha

    P.S..: Meia hora para entender aquele Man Form Tio que você comentou lá no blog kkk Agentes da Uncle pqp...eu vi o trailer e não me impressionou, sei lá, deve ser pq tinha acabado de assistir Kingsman...
    E os atores dele, não chamam minha atenção...

    tenha uma ótima quarta =D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  15. Oi LP! ^^
    Eu já vi esse filme, mas não me lembro muito bem dele. Talvez seja realmente pela característica que ele tem de ser aqueles filmes sem compromisso apenas para uma tarde á toa. À medida que fui lendo sua resenha fui me lembrando.
    Vale à pena assistir sim. Tem dias que a gente precisa de algo mais leve, engraçado e com final feliz pra recuperar do estress do dia a dia.

    Beijussss;
    https://facebook.com/BlogMenteHipercriativa
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi,
    Adorei a dica, porque simplesmente amooo essa atriz e quero ver o filme.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir

NEWSletter