[RESENHA] Loucamente Sua, de Rachel Gibson

Postado em 27 de setembro de 2015 às 21:06 por

Ler ou não ler chick-lits? Eis a questão.
Comprei esse livro por menos de dez reais numa promoção do submarino e não poderia ter esperado nada. Na verdade, comecei esperando nada ,e acabei gostando bastante. Não li outros romances de Rachel Gibson mas essa é uma boa experiência por que passei. A resenha é curtinha e o livro eu li bem rapidinho... Bem, vamos lá!

Loucamente SuaSinopse: De volta à sua cidadezinha para atender ao funeral do seu padrasto Henry, a bela cabeleireira Delaney é surpreendida com uma cláusula do testamento dele: se quiser receber a sua herança, ela deverá permanecer um ano inteiro na cidade e não ter "contato sexual" algum com o bad boy Nick, filho bastardo de Henry. Acontece que, dez anos antes, ela e Nick viveram uma paixão, e embora ele seja um mulherengo incorrigível, a proximidade de ambos reacende a antiga chama. Será Delaney capaz de resistir ao motoqueiro de conversa fiada?





RESENHA
Quando você começa um livro de gênero chick-lit certamente pensa em encontrar mais assuntos "up" para começá-lo de fato. Mas Loucamente Sua começa com um funeral e um testamento. Pensa que é pouco? Pois aí vem mais.


Henry acaba de morrer na cidade de Truly e a sua filha adotiva, Delaney Shaw, é convidada a comparecer e saber o veredito do testamento do homem. Mas dez anos afastada da cidade certamente a fizeram mudar e se transformar de uma menina ingênua, em uma cabeleireira que adora tornar pessoas comuns em pessoas maravilhosas.
Ele nunca mais voltou. Ele cansou de esperar nas sombras. Esperar por coisas que ele jamais teria.
Nick Alegrezza faz parte desse passado sórdido, em que ela tem lembranças que gostaria muito de esquecer, mas infelizmente não consegue. Ao revê-lo depois de dez anos, descobre que ainda nutre sentimentos que ela pensava que haviam ficado num passado imperfeito. Absolutamente não. E o que restou desse passado ainda pode causar grandes emoções que Delaney jamais poderia ter imaginado sentir. Lembrando que o Nick é o cara bad, todo bonitão, bombadão, lindão que qualquer mulher jamais deixaria passar despercebido. Ele me lembrou um pouco aqueles caras de capa de livros eróticos ou YA, sabe? HAHA
Ela olhava para seu filho mais novo. Nick sempre partiria seu coração.
É nesse momento que Delaney descobre que, para ter tudo que o testamento vai deixar para ela. é necessário que ela permaneça um ano na cidade de Truly e durante esse um ano, não tenha qualquer tipo de envolvimento sexual com Nick Alegrezza. Sim, bem explícito dessa forma.Será que eles são capazes de se manterem afastados ? Ou há um tipo de magnetismo que não pode mantê-los afastados?

Foi o primeiro livro que li da autora, e de fato, adorei. Rachel Gibson tem uma narrativa fácil e envolvente. Me senti lendo uma mistura de Nicholas Sparks com Sophie Kinsella, de um jeito muito bacana.. Misturei tudo, não?  A letra tem um tamanho razoável, páginas amarelas e uma arte bem fofa proporcionam boas horas de leitura sem incomodar os olhos. Apesar de ter achado que há muitos detalhes sórdidos cada um sabe o que lê?, é uma leitura leve e rápida, como todo chick-lit deve ser.


Você também pode gostar de:

5 comentários

  1. Oi!
    Tentei ler um livro da Rachel e a acho que não estava muito no momento para a proposta da autora e acabei abandonando a leitura. No entanto, gostei bastante da premissa de Loucamente Sua por aparentar ser um livro leve e divertido apesar de começar com um funeral.

    Beijos
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    O único livro que li da Rachel me deixou do mesmo jeito, primeiro sem esperar muito, só que no meu caso por não sair dos primeiro capítulos, mas depois, quando eu finalmente me entreguei a leitura, foi como se nada mais me tirasse dali até acabar e eu fiquei querendo mais.
    Parece que a Rachel gosta dos bombadões e fortões e bonitões para seus livros haha, - ADORO!
    Quero ler logo esse livro da Rachel.

    Beijos - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  3. Oi, Pâmzinha!
    Nunca li nada dela, mas me falam que é legal mesmo. Que em alguns momentos é meio hot, mas que é bacana.
    Quero ler, ainda mais que você disse que gostou. Nicholas Sparks e Sophie Kinsella? Estou dentro!
    Amo chick lit de paixão, apesar de não ser muito fã de hot, não.
    Não é uma série? Esse é o primeiro?

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  4. Eu amei a sua resenha! Já faz tempo que eu quero ler esse livro, a capa é linda e o enredo é muito interessante. Tenho certeza, que vou amar a leitura!
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Pâm

    Chick-lit não é meu gênero favorito, sabe? Se eu li uns três foi muito e esse ano não li nenhum! Eu tenho interesse em ler algum da Sophie, que, dizem ser a rainha do gênero.
    E como assim o testamento tinha essa cláusula do sexo, gente? hahahahaha
    Era de conhecimento geral da nação? hahahahahaha
    Eu vou tentar ler um livro de chick-lit...qual você me recomenda?

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir

NEWSletter

Blog Archive