Você já esqueceu um livro por aí?

Postado em 6 de janeiro de 2015 às 00:05 por

Você certamente já deve ter ouvido falar do projeto "Esqueça um Livro", não? Então conheça o campanha e esqueça você também!

O projeto foi realizado por Felipe Brandão e é apoiado pelo Catraca Livre. A ideia é basicamente esta:
Você esquece um livro e compartilha conhecimento.
Quem encontra, leva pra casa e depois esquece também.
Assim o conhecimento se espalha.
E não é maravilhoso? Esse é um projeto que não aderi (por motivos de : sou apegada demais aos livros rs) mas que acho muito bonito de se participar! Aliás, veja como participar aqui.

Criado no começo de abril, “Esqueça um Livro” é inspirado no conceito de BookCrossing

Já faz algum tempo que o paulista Felipe Brandão anda cercado por livros, pessoal e profissionalmente. Por dois anos trabalhou em uma grande rede de livrarias e atualmente trabalha na área de marketing de uma editora de best-sellers.

Em abril, percebeu que a estante de sua casa estava novamente cheia de títulos já lidos. Ao invés de comprar outro móvel para acumular mais livros, vender as edições em um sebo ou negociá-las em um site de trocas, optou pelo desapego, abandonando os livros pela cidade. Nasceu assim o projeto “Esqueça um Livro”.

“A ideia é inspirada no conceito de BookCrossing, criado nos EUA no começo dos anos 2000”, explica. Combinando leitura e urbanidade, o conceito convida os leitores a deixar um livro em local público, para que outra pessoa o encontre, o leia, e volte a abandoná-lo, ampliando assim o acesso à leitura. Há diferentes versões do BookCrossing espalhadas por cidades do Brasil e do mundo.

A base do “Esqueça um livro” é uma fanpage no Facebook. Nela, Felipe posta as fotos dos livros “esquecidos” por São Paulo, acompanhadas de uma breve sinopse e da indicação do local onde a edição foi deixada. “Sobre a Brevidade da Vida”, de Sêneca, foi o primeiro livro a ser abandonado no projeto, em 4 de abril, numa janela cercada de plantas próximo à estação Marechal Deodoro do Metrô.  De lá pra cá, vários amigos e entusiastas passaram a colaborar com o projeto, “esquecendo” livros por São Paulo.

Simples na teoria e na prática, o projeto não tem maiores intenções além de espalhar livros e difundir a leitura na cidade. “Quero que os livros cheguem até pessoas que não teriam condições de comprá-los”, deseja Brandão.

Algum de vocês já "esqueceram" um livro?

Você também pode gostar de:

7 comentários

  1. OI PAAAM!

    Sim, é realmente uma ideia maravilhosa, incentivadora de cultura, além de muito nhunhunhu. Mas, tô contigo: Sou apegada demais pra conseguir me desapegar dos meus livrinhos lindos. Quanto eles, eu quero sempre mais D: HAHAHAHA comofas?

    PAAAM... me passa seu e-mail? Queria falar com você sobre o "BEING YOU" lá do blog, pode ser?

    beijo
    beinghellz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Pâm,
    Eu já ouvi falar desse projeto, mas nunca participei.
    Acho que sou apegada demais aos meu livros, mas vou ver se pratico o desapego e esqueço algum por aí!

    Beijusss;

    http://hipercriativa.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/BlogMenteHipercriativa

    ResponderExcluir
  3. Pâm, estou aqui a você: Não sei se dou conta, não.
    Eu amo meus bebês e gasto uma fortuna com eles, hahaha.
    Mas a ideia é ótima, né? :D
    Tenho alguns repetidos aqui em casa, acho que com eles eu consiga fazer isso. Acho...

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, como vai?
    Em meados do ano passado esqueci um livro aqui em Brasília. Foi bem legal a experiência, correu tudo como eu esperei. Se tiverem a oportunidade, façam também, é um belo gesto. ^-^

    Hey Igor *--*
    Nunca li nada da Bella e sempre fui curiosa para ler. Assim que quitar algumas séries literárias, acho que apostarei nessa.
    Como sempre, sua resenha: impecável. Parabéns! ^-^

    http://garotaezine.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Pâm!
    Acho esse projeto fantáaastico, mas nunca participei de fato. Sei lá, sou muita apegada a meus livros, mas acho que posso tentar. Temos que praticar, né?

    Beijão

    ResponderExcluir
  6. Adorei essa ideia. Bom, uma vez esqueci o livro, mas foi sem querer e voltei à sorveteria para pegar hahaha.
    Mas achei fantástica a ideia de fazer para que alguém o leia. Não custa nada tentar, farei o teste

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 4 ganhadores e você escolhe o livro que deseja ganhar.

    ResponderExcluir
  7. Já ouvi falarem bastante nesse projeto, mas não sei... Será que funciona mesmo? Tenho minhas dúvidas haha por isso as vezes acabo só trocando mesmo

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br
    Tem resenha nova no blog de "Encarcerados", vem conferir!

    ResponderExcluir

NEWSletter

Blog Archive