Quoteando por aí #4 Príncipe Mecânico

Postado em 3 de janeiro de 2015 às 23:49 por

Hoje vou Quotear por aqui e colocar alguns quotes do livro Príncipe Mecânico da tia Cassandra Clare. Primeiro Quoteando por aí do ano, OBA! Acabei de sair do cinema, assisti Êxodo (apesar de não ser cinéfila, estou pensando em falar sobre filmes de vez em quando, mas por enquanto só uma hipótese...)
Prometo que não há spoilers, apesar de ser o segundo livro da trilogia. Confia em mim?

Mas se você não conhece a coluna Quoteando por Aí, saiba que um quote nada mais é do que uma frase ou um pensamento retirado de um livro ou de alguém que já disse aquilo em algum lugar. Muitos quotes ficaram famosos principalmente por Clarice Lispector e Caio Fernando de Abreu. Mas essa linha de postagens aqui no blog vai ser de livros que li e encontrei alguns quotes bacanas para compartilhar e fazer vocês de alguma forma terem um certo interesse (quem sabe?) e ler também.

                                                  Quotes
[...] Por que demonstrou tanta doçura quando ela sabia que ele a desprezava? E, por que, mesmo sabendo que ele era a pior coisa do mundo para ela, mandá-lo embora pareceu um erro terrível?
Pág. 99

- Quando Will realmente quer uma coisa - disse Jem, baixinho - quando ele sente alguma coisa, ele pode partir um coração.
Pág. 124



Preciso estar presa enquanto solto estásPreciso amar um homem que não me amaráPreciso suportar viver na solidãoDe amar um homem que partirá meu coração?Pág. 133

- Ele se apaixonou - observou Jem. - Não é tão estranho assim.
- Se apaixonou - disse o feiticeiro, ainda com o mesmo sorriso breve. - Caiu de cara é mais apropriado. Ficou de quatro. Ainda há homens assim, para os quais só existe uma mulher e só ela, ela ou nada.
Pág. 140

E se você não estiver mais aqui, não há ninguém no mundo que se importe se estou viva ou morta.Sinto-me como se estivesse dissolvendo, desaparecendo no nada, pois se não há ninguém no mundo que se importe com você, será que você sequer existe? Pág. 147

Não se pode comprar, alucinar ou sonhar um caminho para fugir da dor.
Pág. 161

Queria sentar e ouvi-la falar sobre livros até suas orelhas caírem. Mas todas essas eram coisas que ele não podia querer, pois eram coisas que não podiam ter, e querer o que não se pode ter leva à tristeza e à loucura.
Pág. 198

- Desejei isso - disse ele - em todos os momentos de todas as horas de todos os dias em que estive com você, desde quando a conheci. Mas você sabe disso. Deve saber disso. Não é?
Pág. 234

- Não posso explicar o amor - disse ele. - Não sei dizer se a amei desde o primeiro instante em que a vi ou se foi no segundo, no terceiro ou no quarto. Mas me lembro da primeira vez que a vi caminhando em minha direção e percebi que de algum jeito o resto do mundo parecia desaparecer quando estou ao seu lado. Quando percebi que você era o centro de tudo que eu fazia, sentia e pensava.
Pág. 342

-[...] Foram os livros que me impediram de me matar depois que achei que não pudesse amar ninguém, nem ser amado por ninguém. Foram os livros que fizeram com que eu sentisse que não estava completamente sozinho. Eles podiam ser sinceros comigo e eu com eles.
Pág. 372

Existem tantas coisas que podem nos matar a qualquer instante que um pouco de frio não parece importante. 

Meu Deus! Quantos quote nesse livro! Esse é um dos livros com mais quotes marcados que tenho aqui, o que me lembra que eu preciso comprar mais post-its - sim eu tenho essa mania.
Gostaram?


Você também pode gostar de:

2 comentários

  1. As séries da Cassandra me interessam muito! Mas cadê tempo pra ler? rs Espero poder ler as duas séries tão bem faladas da autora em breve e entender os quotes em seus devidos contextos <3 rs

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Muito amor pela tia Cassandra!
    Hahahaha.
    Ainda estou lendo a série dos Instrumentos Mortais, não cheguei nessa, mas super li e gostei das quotes.
    :P

    Seguindo você!

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir

NEWSletter

Blog Archive