[RESENHA] A Seleção, de Kiera Cass

Postado em 23 de julho de 2014 às 16:55 por

E aí pessoal? Mais uma resenha distópica hoje. Dessa vez falaremos do universo de A Seleção - um tanto diferente mas sem perder o dedinho do governo controlador que tem em várias distopias. Garanto que essa belezura vai fazer você perder umas boas horinhas.
America Singer é uma garota de 17 anos da Casta de número Cinco, e tem quase tudo que deseja para ser feliz. Contudo, sempre temos um porém, e esse porém é o país em que America vive. Estou falando de Iléa.


Iléa está onde antes foi os Estados Unidos depois da Terceira Guerra Mundial. O país foi dividido em Castas, que vão de Um até a Oito, considerando que a Casta Um é a mais nobre e a Casta Oito é a Casta dos rejeitados/exilados ou pessoas que desobedeceram ao governo de certa forma. O governo constituído por Rei, Rainha e um Príncipe (apaixonante, diga-se de passagem). Mas para America, isso tudo não importa. O que importa é sua família e Aspen Leger, um jovem rapaz da Casta Seis por quem ela se apaixonou. O problema é que eles querem ficar juntos, mas a mãe de America jamais aceitaria, porque na sociedade em que vivem, seria um tremendo absurdo uma Cinco se casar com um rapaz de uma casta inferior, no caso, a Seis. É nesse contexto que tudo pode ficar diferente, uma vez que surge a Seleção.
- Você pode tentar pôr a mão no ombro delas e dizer que vai ficar tudo bem. Quando choram, as mulheres nem sempre querem que você resolva o problema. Elas só querem ser consoladas - sugeri.
- Sério?
- Sim.
- Não pode ser tão simples - ele disse com um misto de dúvida e interesse na voz.
- Eu disse "nem sempre", e não "nunca". Mas provavelmente funcionaria com várias garotas aqui.
Pág. 172
A Seleção vai escolher a futura princesa para o Príncipe Maxon, e contará com, inicialmente, trinta e cinco garotas que vão lutar pelo coração do rapaz que se tornará rei, sucedendo seu pai. Por bem ou por mal, America é uma das escolhidas. Com isso, a ruivinha não podia imaginar que isso iria mudar tanto sua vida.
Algo em sua hesitação fez com que eu me sentisse linda.
Pág. 278
Os capítulos não são cansativos, a diagramação é bem fofa, e o trabalho da Editora Seguinte foi muito caprichado. O livro em sim é muito gostoso de ler, as páginas voam e a leitura é bem fluida, com páginas amarelas e um bom espaçamento e boas margens que não atrapalham a leitura.
Um beijo!

Você também pode gostar de:

10 comentários

  1. Amei a resenha, tenho muita vontade de ler esse livro
    Beijos
    http://segredosdacahlima.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Então, tenho muita vontade de ler essa trilogia...
    É muito bom, quando um livro não nos cansa, pois assim a gente devora ele sem cansar a mente...
    Tô doida para ler...
    beijos
    http://amandastale.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenho, e estou com muita vontade de ler esse livro!
    Lhe convido a conhecer meu blog, tem post novinho sempre! :)

    Jenni Karolyne
    http://www.jennikarolyne.com

    ResponderExcluir
  4. Eu já vi resenhas mil dessa série, nunca compro T.T
    Mas gente, cada vez mais tenho vontade... Como pode? haha

    tofalandoisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Amamos a resenha, já ouvimos falar bastante dessa trilogia.

    Bjs

    www.onlyinspirations.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Esse livro é apaixonante. Gostei de tudo, dos personagens, enredo, do triangulo amoro que normalmente detesto... Embora já saiba como a trilogia termina, ainda to no livro dois e amando!!!

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
  7. Eu li, eu amei! A autora soube cativar, dá vontade de devorar as páginas... Quando cheguei no último livro fiquei até com pena de ler porque ia acabar :(

    ResponderExcluir
  8. Eu amo a Seleção, e pensar que eu não leria por ser focado no romance, no fim li os 3 na mesma semana
    Adorei a resenha e estou seguindo aqui ok?

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Pam,
    Tenho curiosidade em ler esse livro desde que foi lançado. Tenho gostado bastante de distopias. Acho que o que me manteve longe desse livro até hoje é o fato de haver uma disputa de "quem vai ficar com o príncipe", mas para ter conquistado tanta gente, imagino que o livro deva ser bem mais que isso. :)

    Gostei da sua resenha e das quotes que você escolheu!

    Beijusss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/BlogMenteHipercriativa

    ResponderExcluir
  10. Até achei a Seleção divertido, mas a minha decepção foi tão grande com A escolha D:
    Ótima resenha, parabéns!
    Um beijo,
    www.garotaezine.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

NEWSletter

Blog Archive